segunda-feira, junho 24, 2024
No menu items!
InícioRegionalHomem acusado de espancar a companheira até a morte com chutes na...

Homem acusado de espancar a companheira até a morte com chutes na cabeça é condenado a 17 anos de prisão

O homem de 45 anos acusado de espancar a companheira até a morte com chutes na cabeça foi condenado a 17 anos e seis meses de prisão em regime fechado. O crime ocorreu em junho de 2021, em Birigui (SP). O tribunal do júri ocorreu na terça-feira (28), e cabe recurso da decisão.

Segundo a sentença, emitida pela juíza Moema Moreira Ponce Lacerda, Márcio Ricardo Tavares foi condenado por homicídio duplamente qualificado, por meio cruel e recurso que dificultou a defesa da vítima, bem como feminicídio, praticado em situação de violência contra mulheres.

Valéria Kaliane de Medeiros Silva, de 40 anos, foi encontrada pela mãe ferida e desacordada. O crime foi cometido na casa de Márcio, que fica no Jardim Aeroporto.

Na noite do assassinato, Valéria ligou para a mãe e contou que estava sendo ameaçada de morte pelo marido. Ao chegar na residência, a mulher encontrou a filha caída no chão desacordada.

Valéria foi socorrida e levada ao pronto-socorro, onde teve uma parada cardiorrespiratória. Ela foi reanimada, ficou internada em coma, mas não resistiu e morreu devido a um traumatismo craniano.

No dia do crime, Márcio foi preso em flagrante pela Polícia Militar. Ele respondeu ao processo preso na cadeia em Penápolis (SP).

Please follow and like us:
Pin Share
Notícias Relacionadas

Mais Populares