terça-feira, maio 28, 2024
No menu items!
InícioPolíciaPolícia indicia filho por feminicídio após morte de mulher socorrida com fratura...

Polícia indicia filho por feminicídio após morte de mulher socorrida com fratura exposta e afundamento de crânio

O filho de uma mulher que morreu após ser socorrida com fratura exposta na perna esquerda e afundamento do crânio foi indiciado por feminicídio nesta terça-feira (16). Segundo a polícia, o rapaz havia contado que ela se jogou do carro em movimento, em Andradina (SP), no dia 7 de abril.

Conforme a Polícia Civil, há indícios de que a psicóloga Simone do Nascimento, de 46 anos, foi morta pelo filho, Matheus Nascimento, de 24. O rapaz já estava preso desde o ocorrido por embriaguez ao volante e omissão de socorro.

À Polícia Militar, Matheus havia contado que eles estavam embriagados e retornavam de um rancho em Três Lagoas para Andradina, quando a mulher teria se jogado do veículo.

Contudo, segundo a delegada responsável pela investigação, Letícia Mobis, a investigação apontou que Matheus estava embriagado, brigou com a mãe porque ela queria dirigir o carro na volta do rancho e a matou. Ele nega o assassinato à polícia.

Ainda conforme a delegada, os ferimentos no corpo da vítima são incompatíveis para a hipótese de suicídio.

Letícia informou que os médicos legistas do Instituto Médico Legal (IML) apontaram que Simone teve traumatismo craniano, bem como as contusões mostram que a mulher foi arrastada no asfalto. Contudo, não soube informar se Matheus usou instrumentos para matar a mãe.

“Nós localizamos testemunhas na rodovia que liga a área rural onde eles estavam. A vítima pediu ajuda a uma delas e disse que estava sendo agredida pelo filho. A testemunha viu o filho pegando a vítima pelo braço, pela nuca, colocando ela novamente dentro do carro”, revelou a delegada.

No dia do crime, Matheus foi preso por embriaguez ao volante e omissão de socorro, já que ele demorou quatro horas para acionar o socorro, e morte suspeita.

Conforme a polícia, no dia do ocorrido, o rapaz levou a vítima ferida até a casa da avó materna e, de lá, a Polícia Militar e o resgate foram acionados. A vítima foi levada à Unidade de Pronto Atendimento (UPA), onde foi constatado o óbito.

Please follow and like us:
Pin Share
Notícias Relacionadas

Mais Populares